Projeto Social Monike Azevedo – UMA DÉCADA MUDANDO VIDAS

Foto: Divulgação.

Projeto Social Monike Azevedo – UMA DÉCADA MUDANDO VIDAS

Projeto social da triatleta Monike Azevedo faz dez anos de existência.

Neste sábado, 12 de agosto de 2017, o Projeto Monike Azevedo Esporte e Valores Olímpicos completa 10 anos de história. É uma década realizando sonhos, descobrindo talentos, e mudando a vida de diversas crianças através da oportunidade do esporte.

O projeto social desenvolvido pela triatleta Monike Azevedo é um dos pioneiros no país a fim de proporcionar a prática de triatlon por crianças. Desde sua inauguração em 2007, na cidade de Iguaba Grande, no Rio de Janeiro, até então já passaram pelo treinamento desenvolvido no projeto mais de 5.000 mil crianças.

Monike se orgulha do trabalho desenvolvido e está extremamente contente com os resultados alcançados. “O projeto tem formado campeões no esporte e na vida. Pra mim, 10 anos do projeto é como se comemorasse 10 anos de um filho. Olhando pra trás, vejo todo o sacrifício feito pra conseguir chegar até aqui, mas se fosse tão fácil, não teria o mesmo prazer, a mesma satisfação. Nós fomos pioneiros no triathlon na Região dos Lagos, pois antes aqui só se aprendia futebol. Trouxemos algo diferente, que recentemente havia se tornado um esporte olímpico. Eu me sinto cumprindo minha missão de vida, seguindo pelo caminho certo”.    

Dentre os diversos atletas do projeto, um dos grandes destaques é Mariana Latge Rodrigues, campeã da categoria 14 anos na 1ª Etapa do Campeonato Brasileiro Infantil / Infanto-Juvenil, que já se prepara para a próxima etapa do campeonato, que acontecerá em 12 de novembro, em Caiobá, PR.

Em comemoração ao aniversário, o projeto se uniu aos ciclistas da região e organizou um passeio ciclístico, e a verba arrecadada neste passeio será revertida para outras instituições da região que também trabalham com crianças, como a APAE.

“O projeto esta sempre em busca de novos apoiadores, que queiram agregar e ajudar a alimentar os sonhos dessas criança”, acrescenta Monike.

Lei também: Projeto Social Monike Azevedo.


Por Hellen Fanta, triatleta amadora contribuinte freelancer da Revista Alltrinews.

COMPARTILHAR