Pré, intra e pós treino – Uma outra visão

Com toda certeza, quando pensamos em desempenho esportivo, as refeições realizadas antes, intra (se for o caso) e após o treino são fundamentais para potencializar o rendimento e garantir uma boa recuperação. Porém, o que eu quero destacar é que todas as outras refeições também são fundamentais, afinal todas as refeições são pré e pós treino.

Vamos pensar: o atleta treina às 6h. Às 8h ele realiza a sua refeição pós treino. A refeição que ele realiza 10h, 12h, 18h ou qualquer outro horário, também são refeições pós treino. Consequentemente, todas essas refeições são refeições pré treino do treino do dia seguinte. Entendeu?

Vejo as pessoas muito preocupadas com “o que eu como antes do treino?” ou “o que eu tomo para dar mais energia?”, mas a verdade é que nada disso vai ser eficiente se a dieta como um todo não estiver ajustada. E entenda, ter uma alimentação saudável não significa que ela está ajustada. Para ajustar a alimentação com o objetivo de potencializar o desempenho esportivo precisamos considerar o horário do treino, fase do treinamento, data da competição alvo, entre vários outros aspectos.

Controlando o “todo”, aí sim o que se está comendo pré, intra e pós treino irão fazer diferença. É como se fossem a “cereja do bolo”, não precisa de cereja se não tem bolo. Mas tendo o bolo, a cereja dá aquele toque!


Catarina Denise Entringer Contreiro, Nutricionista, Mestra em Nutrição e Saúde. Instagram: @nutri.catarinaentringer

COMPARTILHAR