ITU libera freios a disco em provas sem vácuo

Foto: Cervélo.

ITU FINALMENTE LIBERA FREIOS A DISCO EM PROVAS SEM VÁCUO

Depois de muita discussão e pressão da indústria a ITU já dá o primeiro passo na liberação dos freios a disco no triathlon.


A ITU (International Triathlon Union) anunciou recentemente a liberação dos freios a discos para as bikes de triathlon. A regra passa a funcionar a partir do dia 1° de janeiro de 2017. A proibição persiste em provas com vácuo por medidas de segurança.

A liberação ficou para provas sem vácuo (triathlon e duathlon), cross-triathlon/duathlon e winter triathlon. Para provas com vácuo liberado, a ITU segue as regras da UCI (Union Cyclist International), a entidade máxima do ciclismo internacional.

A UCI liberou os freios a disco neste ano para teste. Após um grave acidente no pelotão, eles voltaram atrás com a regra. O ciclista profissional Fran Ventoso, da equipe Movistar, escreveu uma carta aberta sobre o acidente: “Os discos nunca deveriam ter chegado ao pelotão profissional, ao menos como o conhecemos até o presente momento. Ao menos até que contem com sistemas de proteção e segurança que não os convertam em verdadeiras facas instaladas nas bicicletas.”

É perfeitamente compreensível a medida de proibição dos freios a disco no pelotão. Provas com vácuo liberado os atletas pedalam juntos. Uma queda no grupo pode levar um atleta a bater a perna ou o braço no disco do freio. O desastre pode ser enorme. Um verdadeira lâmina montada na bicicleta.


Por Erik Coser, editor e fotógrafo da REVISTA ALLTRINEWS.

Regras da ITU para 2017 - SAIBA MAIS Disk Brakes no Triathlon - SAIBA MAIS

 

COMPARTILHAR