Bloggando com Pâmella Oliveira

Foto: Erik Coser.

A prova de IM 70.3 Bariloche – Argentina (10/03/19 – que abandonei na parte inicial da corrida), não foi uma total surpresa pra mim, porque afinal, nada ainda estava muito encaixado na minha preparação. Claro que não viajei até lá sabendo que iria parar, mas já estava preparada para usar o plano B, C…Z, hehe… diria que usei o Z.

Passada a prova, o Palito (técnico) queria logo saber detalhes e virar a página. Virar a página inclui pensar na preparação da próxima prova, e isso incluía voltar à rua e completar o volume da planilha. Faltavam 14km de corrida. “Mas isso ainda hoje?”, “Sim, tem esteira no seu hotel?”, “Não”, “Tá frio?”, “Não”, “Então rua!

Confesso que precisei de um momento pra digerir aquilo, hehe… Já que eu não vi hipótese de correr na prova, não conseguia me ver correndo no mesmo dia, poucas horas depois, fora dela. Foi uma corrida lenta e dolorosa. Pra quem gosta de números, 6’01”min/km.

Bom, de volta a BC (Balneário Camboriú), bora tentar colocar a casa em ordem. No quesito dieta e peso, ainda aquém. Comparado a fevereiro do ano passado, 12.8% MG e pesando 64kg contra 13% MG e 67kg desse ano. Essa facilidade de ganhar MM me irrita! Porque qualquer detalhe a mais que faço, com a quantidade de treino que faço, realmente não engordo (porcentagem de gordura) mas é o suficiente pra me deixar muito forte. E esse peso extra também atrapalha um pouco, mesmo sendo um peso funcional (de músculos). Quem corre com um saco de músculo sabe o quanto custa hahaha. Em contra partida, melhorei muito meus testes de potência, realmente isso foi muito positivo. É algo bem difícil pra mim que tenho muito força e pouca velocidade. Agora é focar na dietinha pra tentar dar uma murchada e ficar mais leve mantendo esse ganho na potência. É mais fácil escrevendo, kkk. Mas o período de volume de corrida chegou e isso me ajuda muito (o peso vai baixar e o percentual também). Esse ano começamos com mais volume de ciclismo e pedalar muito é ótimo pra eu virar bodybuilder, hahaha…

Próxima prova será o 70.3 Floripa, e é sempre bom competir por aqui. Além de facilitar na logística de tudo, sempre há muita torcida, que eu adoro.

Já estou fazendo alguns treinos voltados pra o IM full de Floripa também… mas esse assunto eu deixo para um próximo papo.

Valeu galera, até breve!

COMPARTILHAR